http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site5.jpglink
http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site4.jpglink
http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site3.jpglink
http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site2.jpglink
http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site1.jpglink

3ª Marcha contra o Crack reúne 20 mil pessoas em Belo Horizonte

Dinis Pinheiro participou da caminhada e relembrou as medidas que a Assembleia de Minas e o Governo Estadual elaboraram para combater o consumo e tráfico do crack no estado Dinis Pinheiro participou da caminhada e relembrou as medidas que a Assembleia de Minas e o Governo Estadual elaboraram para combater o consumo e tráfico do crack no estado Alexandre Almeida/ASSCOM

 “Nós temos que, bravamente, dizer um não ao uso do crack e dizer um sim à vida, à fé, aos bons valores e, acima de tudo, ao amor”. Com essas palavras, o presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), deputado estadual Dinis Pinheiro (PP), definiu como deve ser a postura do poder público e da sociedade no enfrentamento ao crack. No último sábado, dia 24 de maio, a ALMG realizou a terceira edição da Marcha Contra o Crack e Outras Drogas, que contou com a presença de autoridades, representantes de comunidades terapêuticas e estudantes. Cerca de 20 mil pessoas aderiram à caminhada, que teve início no Colégio Estadual Central e foi finalizada na Assembleia. 

Dinis ressaltou que o Parlamento Mineiro, de forma inovadora, foi a primeira casa legislativa a instituir, de forma permanente, uma comissão parlamentar de combate e prevenção ao uso de crack. O presidente lembrou também que o governo estadual vem investindo cada vez mais em programas para tratamento e recuperação do cidadão. Um exemplo disso é o programa Aliança pela Vida, que atende aproximadamente 80 comunidades terapêuticas. 

O presidente destacou que o país lidera uma triste estatística. “O Brasil é o primeiro país do mundo em consumo de crack e o segundo em consumo de cocaína e seus derivados. E eu falo que, custe o que custar, nós temos que vencer essa guerra contra o uso do crack e outras drogas”. Dinis destacou também que a participação da juventude é fundamental para o sucesso dessa iniciativa. “A juventude, com seus sonhos e com seus desejos, vão ajudar na construção de uma vida melhor”, apontou. 

De acordo com o presidente da Assembleia, em contrapartida aos investimentos estaduais, a esfera federal vem deixando a desejar, principalmente no que diz respeito a proteção das fronteiras. “Isso é um drama. O governo federal investe muito pouco na segurança pública. É preciso estabelecer uma política pública mais forte, sobretudo nas fronteiras, para que nós, do âmbito estadual, possamos ter uma ação mais solidária e efetiva”, finalizou.

Última modificação emQuarta, 30 Julho 2014 15:26

1 Comentário

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.