http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site5.jpglink
http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site4.jpglink
http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site3.jpglink
http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site2.jpglink
http://dinispinheiro.com.br/images/banners/banner site1.jpglink

No Vale do Mucuri, Dinis defende que governo estadual tenha mais respeito com os mineiros

O ex-presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais Dinis Pinheiro esteve, nesta sexta-feira (27/10), em Poté, no Vale do Mucuri, participando de encontro da Associação Mineira de Municípios (AMM).
 
Dinis cobrou respeito do Governo do Estado para com os municípios e com o povo mineiro. Segundo ele, a crise econômica pela qual passa o Brasil não pode servir de desculpa para as falhas e omissões da atual gestão do Governo de Minas.
 
“Qual estado da Federação com a força de Minas, com esse povo trabalhador e generoso, deve R$ 6 bilhões apenas na área da saúde? Que não paga o transporte escolar?”, questionou.
 
Dinis lembrou que é a população mineira que vem sofrendo as consequências desse descaso por parte do governo estadual.
 
“Que vem se apropriando dos recursos do ICMS, que são dos municípios, do nosso povo, da nossa gente? Basta! Tem muita gente lá fora sem uma consulta, um exame, um medicamento. Governar é ter respeito pelo nosso povo, pela nossa gente”. 
 
Estavam presentes no encontro trinta prefeitos da região, entre eles o presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, que é prefeito de Moema, e o prefeito de Poté, Nego Sampaio. Também compareceram o vice-governador do Estado, Antônio Andrade, vereadores, ex-prefeitos e lideranças.
Última modificação emSexta, 27 Outubro 2017 22:23

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.